Histórico


Votação
 Dê uma nota para meu blog


Outros sites
 UOL - O melhor conteúdo
 BOL - E-mail grátis
 Maria Alzira Brum Lemos
 Linaldo Guedes
 Rascunho
 Cronópios
 O Muro & Outras Páginas
 Eduardo Sabino
 Amador Ribeiro Neto
 Astier Basílio
 Edson Cruz
 Sibila
 Glauco Mattoso
 PublishNews
 Portal Literal
 Ana Peluso
 Ricardo Soares
 Marcelino Freire
 Paulo Bentancur
 Editora Horizonte (Eliane Alves)


 
BLOG DA BELEZA - por Rinaldo de Fernandes


Homenagem

 

LOUVEMOS ANTONIO CANDIDO

 

 

 

 

 

 

 

Em 2004, quando estava preparando o livro Chico Buarque do Brasil, que foi lançado pela Garamond/Fundação Biblioteca Nacional e que estourou no Brasil, entrando em listas de mais vendidos, pedi ao professor e crítico Antonio Candido um depoimento acerca da produção de Chico Buarque. O meu pedido foi através de uma carta. Passadas umas três semanas, recebo um envelope com uma letra miúda que trazia uma folha com um pequeno texto assinado por Antonio Candido. Um depoimento agudo, de um crítico agudo, sabedor das coisas do Brasil. Em homenagem ao mestre Candido, reproduzo aqui o texto que ele escreveu exclusivamente para o livro Chico Buarque do Brasil:

 

 

“Conheço Chico Buarque praticamente desde que nasceu, e à medida que a vida passou fui vendo cada vez mais a solidez das suas qualidades morais, intelectuais, artísticas. É um homem realmente exemplar, cuja integridade pode servir de modelo e cuja variedade de aptidões chega a causar espanto. Como compositor (de textos e de melodias) denota essa coisa rara que é a sobranceria em relação às modas, a absoluta indiferença ao êxito, que pode ou não coroá-lo, mas não o fará jamais desviar-se do seu caminho para seguir essa ou aquela voga. Como homem de teatro, poucos foram capazes, como ele, de fundir harmoniosamente a maestria artística e a consciência social, completando um perfil de cidadão serenamente destemido e participante, sempre na linha da melhor orientação política. Para coroar, a surpreendente vocação de ficcionista, que revelou um dos melhores praticantes do gênero no país. Os seus romances são densos, sem concessões, muito inventivos, com um toque pouco frequente de originalidade. No entanto, comunicam-se bem e fizeram dele uma revelação que não foi apenas fogacho, pois a sua carreira nesse campo prossegue em vôo alto. Nisso tudo vejo a diretriz básica da integridade mencionada no começo. Ela lhe permite ser tão expressivo quanto significativo para o nosso tempo, sem máscara de qualquer espécie. Louvemos Chico Buarque.”



Escrito por Rinaldo de Fernandes às 10h17
[] [envie esta mensagem] []



Lançamento

 

LANÇAMENTO NO I ENCONTRO DE LETRAS

DO LITORAL NORTE DA PARAÍBA

 

 

  

Estarei nesta quarta-feira, a partir das 17h00, a convite da coordenação do I ENCONTRO DE LETRAS DO LITORAL NORTE DA PARAÍBA, que se realiza deste dia 10 ao dia 12/05/2017 no Campus IV da UFPB, em Mamanguape, e cuja temática é “Lingua, Literatura e Ensino: diálogos necessários”, fazendo o lançamento do meu livro Contos reunidos (Ed. Novo Século, 2016). O livro estará à venda por um preço promocional. Você pode também ter o seu exemplar autografado, e a preço promocional, comprando-o aqui mesmo pelo blog. É só passar mensagem!



Escrito por Rinaldo de Fernandes às 09h02
[] [envie esta mensagem] []




[ página principal ] [ ver mensagens anteriores ]